Nenhum comentário

Animais de rua pedem socorro

Duque, é um animal abandonado que passou por maus tratos e agora busca um novo lar
Duque, muito dócil e merecedor de um lar!

A associação mineira Animais Need, de Sete Lagoas, que atende animais abandonados, dá o alerta sobre a gravidade do problema. Por isso, é urgente a tomada de ações concretas de governos e da própria sociedade.

Essas ações, de forma geral, não são tão complicadas, por exemplo, pode ser doação de ração, lar temporário para os pets resgatados, participar como voluntário, entre outros.

A associação Animais Need nasceu há pouco tempo, por iniciativa de Luiza, Gabriele e Maria Gabriela, três mulheres conscientes da situação dos pets de rua de Sete Lagoas.

“Um dia nós pensamos como seria doar ração para animais de rua, então realizamos um dia e, de repente, virou algo maior. Passamos a cuidar, alimentar, dar banho, colocar laços e gravatas e procurar um lar para adotá-los”, explicam.

Leia tambem: 5 bons motivos para adotar um vira-latas

Os trabalhos da Animais Need

A Ong já fez diferença para alguns animais abandonados. Mas, para seguir com seu trabalho, a exemplo de muitas outras associações de bem-estar animal, ela precisa de ajuda da população para atender os animais resgatados.

“Nos damos banho, colocamos laços e gravatas, alimentamos e, também buscamos auxílio dos veterinários, quando os cães estão doentes ou machucados”, detalha Luiza.

Brincalhão era um dos animais abandonados que conseguiram um lar
Brincalhão, seu nome já diz como é a sua personalidade

Para realizar tudo isso, as doações são fundamentais. Elas podem ser em forma de ração, medicamentos, produtos de higiêne, acolhimento temporário dos pets e, mais ainda, adotando um cão ou gato resgatados.

Além de tirar os animais abandonados das ruas, isso evita o comércio de animais, que está proibido em várias partes do mundo.

A cidade tem tantos animais abandonados

A prefeitura de Sete Lagoas passou vários anos sem atuação no acolhimento de animais em razão de uma ação judicial, que impediu o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), departamento subordinado à Secretaria Municipal de Saúde, recolha animais abandonados da cidade.

Isso resultou em uma superpopulação de animais de rua , boa parte sofrendo com leishmaniose. Hoje, o CCZ voltou a atuar e também está com animais para adoção.

 Pouca gente sabe ou acredita, mas, somente no final de 2019 é que o Senado brasileiro aprovou uma emenda na Lei de Crimes Ambientais, que determina que os animais não humanos possuem natureza jurídica sui generis e são sujeitos de direitos despersonificados, os quais, devem gozar e obter tutela jurisdicional em caso de violação, vedado o seu tratamento como coisa.

Desta forma, os animais são seres sencientes, ou seja, dotados de natureza biológica e emocional e passíveis de sofrimento.

Para a ONG mineira Animais Need, a frase de Gandhi é mais do que um lema, é uma obrigação: “A grandeza de um nação e seu progresso moral podem ser julgados pela forma que seus animais são tratados” .

Para adoção de pets, doações de produtos ou informações:

Fone grátis 0800-618080

Instagram – @animais_need

Grupo de Whatsapp +55 31 7169-1305

Observação: essa é a realidade de muitas cidades brasileiras, onde ainda existem muitos animais abandonados, sendo que, cerca de 80% tinham um lar. E, invariavelmente, estas cidades contam com associações de acolhimento aos pets. Procure em sua cidade, ajude, adote um pet, PARTICIPE!

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Menu